24 fevereiro, 2013

Resenha: Naturally, Charlie - S.L. Scott


Olá pessoal! Como estão? Cá estou finalmente com a resenha de "Naturally, Charlie" como prometido. Até me surpreendi como consegui ler rápido, levando em conta que foi meu primeiro livro em inglês. Fiquei imensamente feliz por ter feito essa parceria, e já vou dizendo que gostei bastante desse livro. Pra quem gosta do gênero romance, é um prato cheio.
- Um dia, Charlie Adams, eu espero que você confie em mim o suficiente para me deixar entrar aqui -  diz ela tocando minha têmpora - ,e aqui. - Ela diz colocando sua mão sobre meu coração.
Eu ponho minha mão sobre a dela.

- Você já está aqui.

Naturally, Charlie - Pág. 159
Naturally, Charlie conta a emocionante história de dois Charlies, que tem seus caminhos cruzados pelo destino. Ela trabalha com leilões, ele é um escritor freelancer. Ambos estão passando por uma transição na vida. O ex-noivo dela (Charlie Barrow) falece seis meses depois que ela descobre estar sendo traída, e acredita que foi tudo sua culpa. Ele (Charlie Adams) está tentando encontrar seu próprio caminho depois de decidir não seguir mais o estilo de vida de sua família, que só se importam com status.

Quando os dois se encontram pela primeira vez no metrô de Nova York, sentem uma conexão imediata, mas logo ignoram esse sentimento, e acabam se surpreendendo por se encontrarem novamente em pouco tempo em um clube noturno. Porém ele acaba saindo com a melhor amiga dela, Rachel.

E é por essa razão que ela desiste do cara incrivelmente maravilhoso que chamou tanto a sua atenção. Ela não nunca poderia trair sua melhor amiga.

Porém quando um casal está destinado a ser, tudo acontece a favor. O próximo encontro é um tanto quanto incomum: em dois funerais - do ex-noivo dela, e da tia dele. Deste dia em diante os dois se tornam amigos inseparáveis, um sempre dando suporte ao outro.Amigos. Apenas amigos. Até o amor começar a falar mais forte.

Naturally, Charlie foi o primeiro livro em inglês que li inteiro, e é uma boa opção pra quem estiver começando também. A leitura é bem tranquila e não tem um vocabulário muito complexo. O livro é narrado por ambos, mas ao contrário do que parece, não é confuso, e foi bastante interessante entrar na mente de cada um, e saber exatamente o que acontecia de cada lado.

Apesar de ser um típico romance americano, adorei o livro e adorei a forma como a autora foi conduzindo a história, indo para um rumo totalmente diferente do que eu estava esperando.

Sem dúvida recomendo a leitura, mas infelizmente o livro ainda não foi lançado no Brasil. Espero que um dia seja, mas se você souber inglês, ainda pode adquirir o livro pela Amazon ou pela Barnes&Noble.

Avaliação

0 comentários:

Postar um comentário